Mostrar mensagens com a etiqueta 1982. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta 1982. Mostrar todas as mensagens

1982/04/29

Secção Luís de Camões, da Sociedade de Geografia de Lisboa






LUÍS DE CAMÕES

"Secção" da Sociedade de Geografia de Lisboa



História da sua fundação

"Na origem da criação na Sociedade de Geografia de Lisboa desta Secção está a realização, em 1980, do Colóquio Comemorativo do IV Centenário da Morte de Luís de Camões. O Colóquio, a cuja sessão inaugural presidiu o Presidente da República, General Ramalho Eanes, Presidente de Honra da Sociedade, decorreu entre os dias 18 e 21 de março. E é na Ata aprovada no final dos trabalhos, entre as “Conclusões e Votos”, que, no seu número 9, se pode ler o seguinte:

“Considerando:

a) A variedade de pontos de vista sob os quais, neste Colóquio, foi examinada a obra de Luís de Camões;
b) A universalidade de informações culturais e científicas contidas nos textos do Poeta;

Propõe-se que a Direcção da Sociedade de Geografia de Lisboa crie uma Secção “Luís de Camões” que coordene e estimule estudos camonianos, de especialistas dos vários ramos do Saber”.

É na reunião da Direcção de 29 de abril de 1982 que, sob a Presidência do Vice-Almirante José Augusto Barahona Fernandes, que o Doutor Justino Mendes de Almeida, lembrando as comemorações de 1980 do quarto centenário da morte de Camões, propõe a criação de uma Secção “que, pelos seus trabalhos, mantenha sempre vivo o culto e estudo desta grande figura”. Aprovada a proposta por todos os presentes, na reunião seguinte é decidido convidar para a presidência da Secção o Prof. José da Costa Miranda e para secretária a Senhora D. Margarida Ribeiro. A primeira reunião da Secção ocorreria a 24 de Novembro desse ano.

Desde essa altura que, sob sucessivas Presidências, a Secção se mantém ativa, tendo realizado em 2006 um Colóquio comemorativo do 25.º ano do seu funcionamento. As comunicações deste Colóquio encontram-se reunidas no n.º 9 das “Memórias” da Sociedade."
Fonte: Site da SGL.








COMUNICAÇÕES:

2019

13 de Dezembro
Prof. Eng.º Armando Tavares da Silva: Leonardo Coimbra e Luís de Camões.

23 de Novembro
Sessão extraordinária - Dr. Gil Clemente Teixeira: Declinar Camões na
‘Fénix Renascida’.

18 de Outubro
Dr. Eduardo Correia Ribeiro: Camões e a China.

15 de Junho
Dr. João Abel da Fonseca: Humor em Camões.

24 de Maio
Prof.ª Doutora Isabel Almeida: Desafios de Leitura: a ‘écloga dos faunos’ de
Luís de Camões.

12 de Abril
Prof. Doutor José Pedro Serra: Super Flumina Babybilonis: Camões pelo
olhar de Jorge de Sena.

15 de Março
Dr. Eduardo Correia Ribeiro: Diogo do Couto e os trabalhos de Sísifo (A
importância da ‘Década VIII da Ásia’ para a biografia oriental camoniana,
apesar de tudo).

22 de Fevereiro
Prof. Doutor João Almeida Flor: Descomplicar ‘Os Lusíadas’.

18 de Janeiro
Sessão Extraordinária - Doutora Silvina Pereira: Mundo, Corte e Cavalaria
em Jorge Ferreira de Vasconcelos.

2018

23 de Novembro
Sessão extraordinária - Doutor José Manuel Sobral: Camões e o
nacionalismo português.

19 de Outubro
Prof. Eng.º Armando Tavares da Silva: ‘Os Lusíada’ no Teatro Popular.

15 de Junho
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: A poética das Listas em João
de Barros e Camões no Catálogo dos Reis.

18 de Maio
Sessão extraordinária - Dr.ª Sandra Neves Silva: A Influência de Camões no
Médico Poeta Manuel Bocarro Francês e Rosales (c.1588- 1662?).

20 de Abril
Prof.ª Doutora Isabel Almeida: Camões e Francisco de Holanda.

16 de Março
Prof. Doutor João Almeida Flor: Um Retrato inglês de Camões em 1800.

16 de Fevereiro
Prof. Doutor José Pedro Serra: Camões como personagem dramática ‒
Erros Meus, Má Fortuna, Amor Ardente de Natália Correia.

19 de Janeiro
Sessão Extraordinária - Prof.ª Doutora Maria Isabel João: Camões, símbolo
da nacionalidade, e o Dia de Portugal.

2017
15 de Dezembro
Sessão Extraordinária - Prof.ª Doutora Teresa Malafaia: Eurico de Ataíde
Malafaia. Da Engenharia Têxtil aos Estudos de Memória

17 de Novembro
Dr. Eduardo Alberto Correia Ribeiro: A historicidade da presença de Camões
em Macau

23 de Junho
Sessão Extraordinária - Prof. Doutor Jorge Paiva: As Plantas na Lírica
Camoniana

26 de Maio
Dr. Abel de Lacerda Botelho: Re-Velando os Lusíadas

21 de Abril
Prof.ª Doutora Maria Vitalina Leal de Matos: Lavores femininos e outros
aspectos curiosos nas Redondilhas de Camões

17 de Março
Prof.ª Doutora Isabel Almeida: D. Marcos de S. Lourenço e o comentário
aos Lusíadas na primeira metade do século XVII

17 de Fevereiro
Sessão Extraordinária - Dr. João Abel da Fonseca: Camões e Gândavo -
uma admiração recíproca

2016

12 de Dezembro
Sessão Extraordinária – Prof.ª Doutora Margarida Garcez: O episódio do
‘Velho do Restelo’: projectos de Portugal em vozes cruzadas. Uma
homenagem a Borges de Macedo

18 de Novembro
Sessão Extraordinária - Dr. João Abel da Fonseca : Utopia e distopia na
épica e na lírica camonianas – o episódio da ‘Ilha dos Amores’ e as oitavas a
D. António de Noronha sobre o desconcerto do mundo

20-21 de Outubro

Colóquio Comemorativo dos 35 anos da Secção Luís de Camões 

e de homenagem à Professora Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves,
com as seguintes comunicações:

Prof.ª Doutora Ana Leal de Faria: Isabel Rebelo Gonçalves, mens agitat
molem
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: As raízes de Portugal e a sua apreciação
em Os Lusíadas
Prof. Doutor José Ribeiro Ferreira: Camões em Manuel Alegre
Prof.ª Doutora Isabel de Melo Mozer de Sousa: Camões, Poeta de Fé
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: O valor de um nome
Prof. Doutor João Almeida Flor: A primeira tradução inglesa de um soneto
camoniano
Prof.ª Doutora Isabel Almeida: ’Tu se’ lo mio maestro e ‘I mio autore‘:
Virgílio, modelo de poetas”
Prof. Doutor José Pedro Serra: Camões enquanto personagem de drama
(ou: O poeta e o poder ou a publicação de Os Lusíadas pelo olhar de
Saramago)
Prof.ª Doutora Maria Vitalina Leal de Matos: Mais um Emblema de Camões
Embaixador Dr. Abel de Lacerda Botelho: A Verdade em Luís de Camões e
nos seus versos

15 de Junho
Sessão Extraordinária - Doutor Rui Afonso Mateus : O lugar d’Os Lusíadas
na escola: Breve incursão por um território reconfigurado pela pedagogia

9 de Maio
Prof.ª Doutora Maria Vitalina Leal de Matos: As Oitavas ‘Esprito valeroso’ –
E a visão da mulher que Camões nelas enuncia

22 de Abril
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: Do honesto estudo à lira
destemperada: Observações sobre o Epílogo d’Os Lusíadas

18 de Março
Prof. Doutor João Almeida Flor: Da tradução como polémica: Os Lusíadas na
cultura inglesa

19 de Fevereiro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Reflexão com apoio nas ‘Fontes d’Os
Lusíadas’

22 de Janeiro
Prof. Doutor José Pedro Serra: Uma Viagem à India: O Reflexo Paródico de
‘Os Lusíadas’

2015

27 de Novembro
Mestre Mário Justino Silva: D. Manuel II, admirador de Camões

23 de Outubro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Sobre o destino de um livro que foi de Camões

19 de Junho
Prof.ª Doutora Isabel Almeida: Camões e o Romanzo

22 de Maio
Prof.ª Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: O arvoredo nas Éclogas de Camões

24 de Abril
Prof. Doutor João de Almeida Flor: Memória Histórica e Representação Poética na
Biografia Romanesca de Camões.

27 de Março
Prof. Doutor Eng.º Armando Tavares da Silva: Teatro de Camões – as duas versões de
Filodemo.

27 de Fevereiro
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: Bilinguísmo Literário e Política da
Língua no Século de Camões.

23 de Janeiro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Homenagem ao Infante D. Henrique, a Luís de
Camões e à Grandeza do Espírito da Descoberta

2014

28 de Novembro
Embaixador Dr. Abel de Lacerda Botelho: A Língua Portuguesa e Camões

20 de Junho
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: Os Lusíadas – Bíblia Lusitana onde Luíz Vaz de
Camões desvenda o conhecimento do Cosmos e canta a imortalidade de Lusos e da
Pátria

23 de Maio
Prof.ª Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Comparações e Símiles nas Éclogas de
Camões.

21 de Março
Embaixador Dr. Abel de Lacerda Botelho: Como CAMÕES apresenta Tethys a EL-Rei D.
Sebastião na Dedicatória de "Os Lusíadas".

21 de Fevereiro
Prof. Doutor José Segurado e Campos: A Inês de Castro de Camões ao século XXI

17 de Janeiro
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: A Ilha dos Amores em «Os Lusíadas» é real? Ou
Imaginário?

2013

18 de Outubro
Dr.ª Maria Teresa Pires: Luís de Camões – Análise à Carta 1 escrita de Ceuta

21 de Junho
Prof. Doutor João Ernesto de Almeida Flor: Os Lusíadas no Liceu em 1919

17 de Maio
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: O Consílio dos Deuses que Luís de Camões não
descreveu em “Os Lusíadas”

19 de Abril
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: Causas da oposição do Rei do Vinho – Baco à
Epopeia dos Lusos – Origem da Glória e Fama de Baco no Ocidente e no Oriente

15 de Março
Prof. Doutor Arnaldo Mariz Rozeira: Os Infernos n’Os Lusíadas

15 de Fevereiro
Prof. Doutor José Segurado e Campos: Camões – Personagem de Donizetti

18 de Janeiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Noções Heráldicas de Luís de Camões – As
Armas Reais Portuguesas n’ Os Lusíadas

2012

14 de Dezembro
Prof. Doutor Eng.º Armando Tavares da Silva: Os Lusíadas da Biblioteca Imperial –
Lenda e percurso de um exemplar da edição princeps

16 de Novembro
Mestre Mário Justino Silva: Imagens da Caça n’ Os Lusíadas

26 de Outubro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Brasil em Camões

15 de Junho
Académico Josué Pinharanda Gomes: A Memória Astrológica de Camões segundo
Mário Saa

20 de Abril
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Os Lusíada, o Gama e o Escorbuto

16 de Março
Prof. Doutor João Ernesto de Almeida Flor: Acerca da importância da tradução inglesa
de «Os Lusíadas»

17 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Ninguém Está Livre de uma Pressa

20 de Janeiro
Mestre Mário Justino Silva: Em Torno do Ano de Publicação dos Lusíadas

2011

16 de Dezembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Aspectos da Lírica Camoniana

18 de Novembro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Ainda o Primeiro Retrato de Camões

21 de Outubro:
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Descobrir, Descobrimento, Achamento &
Descoberta

28 de Junho
Prof. Doutor Manuel Augusto Rodrigues: “Sôbolos rios que vão”: de Jerusalém a
Babilónia

20 de Maio
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Breve Apontamento sobre Camões e Os
Lusíadas na Filatelia

18 de Março
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Notas Históricas e Comentários a propósito de
gravuras e de “Retratos de Camões”

2010

26 de Novembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Preto e o Branco nos Lusíadas

29 de Outubro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Uma Relíquia dos Festejos a Camões em 1880

18 de Junho
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: O Pensamento de António Telmo expresso em
“Obras Completas – Vol. 1.º, Luís de Camões”

28 de Maio
Mestre Mário Justino Silva: Temáticas Camonianas na obra de Maria Helena da Rocha
Pereira

30 de Abril
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: Luís de Camões e as Terras do Prestes João

26 de Março
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Jean François de la Harpe, Tradutor de Os Lusíadas.
Notas sobre a obra La Lusiade e a crítica que lhe fez António de Araújo de Azevedo

19 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Tempo nos Lusíadas

22 de Janeiro
Conselheiro Júlio Carlos Lacerda de Castro Lopo: Os piratas nos Lusíadas

2009

11 de Dezembro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Os Lusíadas – Incursão na Geografia da Epopeia – II
parte

13 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Os pseudo-retratos de Camões

23 de Outubro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Acordo Ortográfico à luz do texto d’Os
Lusíadas

19 de Junho
Prof. Doutor João Beato: Nun’Álvares: o guerreiro e monge em Luís de Camões e
Oliveira Martins.

15 de Maio
Prof. Doutora Maria Isabel Moser Thridgould de Sousa: Camões e Lord Strangford

24 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Padre Serafim Leite, Exímio Camonista

20 de Março
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: A presença de Camões na “Visão dos
Tempos” de Teófilo Braga

20 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo Mariz Rozeira: A África n’Os Lusíadas

16 de Janeiro
Prof. Doutor Eng.º Armando Tavares da Silva: Da linda Inês o cantor. Tributo de Luiz
Augusto Palmeirim

2008

12 Dezembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Para que servem as Mãos n’Os Lusíadas

17 de Outubro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Camões, os Cronistas e a Viagem de Vasco da Gama

6 de Junho
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Martim Afonso de Sousa e Garcia de Orta

16 de Maio
Dr.ª Maria Teresa dos Santos Pires: A Mãe n’Os Lusíadas

18 de Abril
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: Portugalidade e Os Lusíadas

14 de Março
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Sobre a Moral Social

18 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Neste Natal, Deus e o Menino Jesus
estiveram connosco pela voz de Camões n’ Os Lusíadas

2007

14 de Dezembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Luz Soriano, o Principal Mecenas da
Camonologia

23 de Novembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Vocábulo Reino n’Os Lusíadas: breves notas

26 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Humorismo Camoniano: textos

15 de Junho
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Concertos e Desconcertos: sessão comemorativa do
427º aniversário da morte de Luís de Camões

18 de Maio
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: As Constelações d’Os Lusíadas e a
Mitologia Clássica

20 de Abril
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: O Brasão Real de Portugal descrito e explicado
por Camões nos Lusíadas

16 de Março
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Camões e Garcia de Orta: Breves Notas sobre
a sua Convivência na Índia

19 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Santarém, cidade de Camonismo

2006

5 de Dezembro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Qual a provável razão de Camões ter terminado, com
D. João de Castro as referências aos responsáveis do governo da Índia?

24 de Novembro
Prof. Doutor Eng.º Armando Tavares da Silva: Camões e a Química – A Química em
Camões

27 de Outubro
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Terá sido intencional a omissão de referências na
Epopeia ao direito consuetudinário e às justiças próprias?

31 de Maio e 1 de Junho

Colóquio Comemorativo dos 25 anos da Fundação da Secção Luís de Camões

com as seguintes comunicações:
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Camões e a Pátria Portuguesa;
Dr. Rogério Puga: A Gruta de Camões nos Relatos de Viagem Anglófonos (séc.XIX);
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: Camões e os Mitos Indianos;
Dr. Nestor Fatia Vital: Temáticas Camonianas Tratadas nas 175 Sessões da Secção Luís de Camões em 25 anos – 1982-2006;
Dr. Mário Justino Silva: Camões na obra de D. Francisco Alexandre Lobo;
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Incursão na Geografia da Epopeia;
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: As traduções de Os Lusíadas, Símbolo da
Projecção Universal do Poeta e da sua Obra


5 de Maio
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: António Augusto de Carvalho Monteiro –
Mecenas de Camonismo

17 de Março
Eng.º Eurico de Ataíde Malafaia: Leitura da Epopeia “entre dois fios”

17 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Os Quatro Pontos Cardeais – Como Camões os
entendeu, segundo as referências directas e indirectas que lhes faz n’Os Lusíadas

20 de Janeiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Margarida Ribeiro, Camonóloga

2005

16 de Dezembro
Dr. Nestor Fatia Vital: O Mar na Poética Camoniana

25 de Novembro
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: O Vocábulo Pedra n’Os Lusíadas e Os Lusíadas
como Pedra Angular da Literatura e Alma Portuguesa

21 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Evocação de um Devotado Camonista:
Emanuel Paulo Ramos

3 de Junho
Prof. Doutor José António Segurado e Campos: Camões e……

20 de Maio
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Do Uso Estético do Artigo Arcaico

15 de Abril
Dr. Nestor Fatia Vital: Valia Monetária da Tença Sebástica a Luís de Camões. O Mito
do Miserabilismo

18 de Março
Conselheiro Júlio Carlos Lacerda de Castro Lopo: O degredo e Os Lusíadas

18 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Breve Reflexão a Propósito de Alguns
Advérbios n’Os Lusíadas

21 de Janeiro
Prof. Doutor João Beato: O Mito de Apolo no Corpus Épico-Lírico de Camões

2004

17 de Dezembro
Mestre Mário Justino Silva: A presença de Camões na “Colóquio”

19 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: A propósito de uma recente edição de os
Lusíadas

15 de Outubro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Quase cume da cabeça de Europa

18 de Junho
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e os Frades Dominicanos

21 de Maio
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Breve apontamento sobre as Falas em
Castelhano no Auto dos Enfatriões

23 de Abril
Dr.ª Maria Teresa dos Santos Pires: O Estilo Epistolar de Camões. A carta escrita da
Índia

14 de Março
Dr. Nestor Fatia Vital: Geografia Camoniana dos Mares do Sul da Ásia

13 de Fevereiro
Prof. Doutor José Segurado e Campos: Prenúncios de Sebastianismo em Os Lusíadas

23 de Janeiro
Dr. Fernando Correia: A Casa dos Camões em Vilar de Nantes – Considerações
Históricas

2003

12 de Dezembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Obedece quem deve…

21 de Novembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Manda quem pode… (estudo vocabular)

23 de Maio
Prof. Doutor José Segurado e Campos: Épica e Alegoria

11 de Abril
Dr. Nestor Fatia Vital: A polémica estada de Camões em Macau

11 de Março
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Recordação Inesperada de Camões

21 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Introdução ao Teatro Camoniano

24 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Relações Culturais e participação portuguesa
nas correntes humanísticas europeias

2002

6 de Dezembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Evocação de Flávio Gonçalves, Camonista

22 de Novembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Forte Capitão, Douto e Ciente

25 de Outubro
Embaixador Abel de Lacerda Botelho: Luís Vaz de Camões. Cavaleiro da Ordem do
Amor

7 de Junho
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e D. João III

17 de Maio
Dr.ª Maria Teresa dos Santos Pires: A Fauna n’Os Lusíadas

12 de Abril
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: A Beleza da Mulher na Lírica de Camões

15 de Março
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: A Paz Portuguesa

1 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Constância no Amor (Sete anos de pastor
Jacob servia)

18 de Janeiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Canto Décimo & último

2001

30 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Evocação do Prof. Padre Bernardo Xavier
Coutinho

8 de Junho
Prof. Eng.º Luís Aires-Barros: Camões e o seu conhecimento do Mundo Científico
Contemporâneo: Breve Comentário.

11 de Maio
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Opúsculos Camonianos (1)

20 de Abril
Dr. Mário Justino Silva: Alguns aspectos do quotidiano no tempo de Camões: um olhar
sobre as cartas camonianas

16 de Março
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Rimas n’Os Lusíadas
1
6 de Fevereiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: São Bento e Santa Clara, Patronos de Os
Lusíadas

12 de Janeiro
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Um Documento Oficial da Autoria do
Adaptador de Os Lusíadas (Dr. João de Barros)

2000

7 de Dezembro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Confronto do Vocabulário do Soneto Alma
minha gentil com os Lusíadas

3 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: I. Camoniano e não Camoneano. II. Pêro Vaz
de Caminha e Pêro de Magalhães Gândavo. III. Malhas Que o Império Tece

19 de Maio
Dr. Mário Justino Silva: Os Epítetos n’ Os Lusíadas. Breves Notas

14 de Abril
Prof.ª Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Latinismos das Rimas de Camões. I.
Fonética e Grafia

17 de Março
Dr.ª Isabel de Mello Moser: Uma Carta Inédita do Visconde de Juromenha

18 de Fevereiro
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: A Noção de Quinto Império em Os Lusíadas
D. Maria da Conceição de Mello Moser: Em torno de Medalhas Camonianas

21 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Nos Saudosos Campos do Mondego

1999

17 de Dezembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Nótulas Camonianas. A) Homenagem
singular a Camões. B) Rómulo de Carvalho, comentador d’ Os Lusíadas

26 de Novembro
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: O Verdadeiro El-Rei Seleuco. Notas
Históricas e Genealógicas

22 de Outubro
Dr. Nestor Fatia Vital: A Temática Camoniana na Medalhística

18 de Junho (sessão extraordinária)
Tenente-general José Guilherme Calvão Borges: Na Demanda das Origens de Camões

21 de Maio
Dr.ª Isabel de Mello Moser: As Endechas a Bárbara Escrava Traduzidas por Edgar
Prestage

23 de Abril
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: O Problema da Autenticidade do
Trecho sobre Camões da Década VIII de Diogo do Couto na Versão Porto-Madrid

26 de Março
D. Maria da Conceição Pestana de Mello Moser: A Camoniana de Ernesto Pires

26 de Fevereiro
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: A Versão do Porto-Madrid da Década
VIII da Ásia de Diogo do Couto e os Estudos Camonianos

15 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Palácio de S. Bento na Historiografia do
Camonismo

1998

18 de Dezembro
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Camões, Poeta do Islão

20 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: A Armada de 1553

19 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutor José da Costa Miranda: Camões versus Boiardo e Ariosto

22 de Maio
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Augusta Gersão Ventura, Camonista –
II. Astronomia Camoniana

24 de Abril
Dr. Mário Justino Silva: João Lopes Leitão e Heitor da Silveira, Companheiros de
Camões na Índia

27 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Conde de Sabugosa, Camonista

20 de Fevereiro
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Sampayo Feroz, Ilustre e Assinalado

23 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: A Camoniana de Gonçalves Crespo

1997

19 de Dezembro
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Os Lusíadas e os Números

28 de Novembro
Dr. António Pinho: Os Doze Magníficos

17 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: José Ramos-Coelho, Camonista

23 de Maio
Dr. Mário Justino Silva: A Memória de Camões na Toponímia Ribatejana

18 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Aspectos da Etimologia n’Os Lusíadas

14 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Formas de Comunicação n’Os Lusíadas

14 de Fevereiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Fórmulas de Tratamento n’Os Lusíadas

1996

20 de Dezembro
D. Maria da Conceição Pestana de Mello Moser: Ainda o Tema Camoniano de Leonor

22 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: A 1ª Edição d’Os Lusíadas – Estado
Actual dos Conhecimentos

18 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Evocação do Pe. Dr. António Maria Mourinho
(1917-1996)

14 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutor José Vitorino de Pina Martins: Sá de Miranda e o Velho do Restelo

17 de Maio
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Notas de Camonologia: A mais recente
tradução d’Os Lusíadas; O 4.º Centenário da 1.ª Edição das Rimas; Camões – Tanta
Guerra, Tanto Engano (uma dramaturgia de textos)

19 de Abril
Prof. Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Augusta Gersão Ventura, Camonista – I.
Flora Camoniana

15 de Março
Dr. António Pinho: Eram os Lusíadas em “Os Lusíadas”

9 de Fevereiro
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: As Armas de Amigos de Camões – A
Heráldica dos Coutinhos

12 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Duas Notas Camonianas: O Culto Camoniano
na Toponímia Olisiponense, e Dário/Dario em Camões

1995

11 de Dezembro
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Parentesco Camoniano

16 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Problema da 1ª Edição das Rimas de
Camões

26 de Maio
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: O Generoso Henrique

19 de Maio
D. Margarida Ribeiro: Um Filho de Camões?

28 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Nota Camonista – Notícia de Pêro Álvares de
Camões e de Margarida de Camões, Sua Mãe, no Tombo da Igreja de S. Lourenço, em
1548;
Ainda: Saudades de D. Ignez de Castro

17 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Terá existido a Dinamene de Camões?

17 de Fevereiro
Dr. António Pinho: Camões Esotérico?

13 de Janeiro
Dr. António Maria Mourinho (orador convidado): Francisco Maria Esteves Pereira, Um
Grande Orientalista de Miranda do Douro

1994

9 de Dezembro
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Navegação e Entrada

25 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Exercício Camoniano: Eu me aparto de vós,
ninfas do Tejo

28 de Outubro
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: Camões e o Sobrenatural

27 de Maio
D. Maria da Conceição Pestana de Mello Moser: Camões e Cesário Verde

22 de Abril
Prof. Doutor Pedro Cunha Serra: Cancioneiro Geral e Luís de Camões

18 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camoniana Mirandesa

18 de Fevereiro
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: Alguns Aspectos Históricos d’Os
Lusíadas. I. Os Milagres na Sepultura do Cruzado Alemão

1993

19 de Novembro
Dr. António Pinho: Camões na História de um Humanista Português do Século XX

22 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Cem Anos de Traduções de “Pretidão de
Amor”

18 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: A Projecção d’Os Lusíadas no Mundo

28 de Maio
Dr.ª Isabel de Mello Moser e D. Maria da Conceição Pestana de Mello Moser: O Tema
de Leonor em três Poetas: Camões, Rodrigues Lobo e António Gedeão

23 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Testemunhos Actuais do Culto Camoniano

15 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Um Importante Documento para a Biografia
de Camões

1992

18 de Novembro
Dr. António Pinho: Memória da Ilha dos Amores ou Ainda e Sempre o Platonismo de
Camões

21 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Páginas Camonianas de Camilo

16 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Evocação do Prof. José Maria Rodrigues
no Cinquentenário da Sua Morte

13 de Maio
Dr.ª Isabel de Mello Moser: Camões e a Lenda Tradicional do Jau

19 de Fevereiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e Macau

22 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Uma Carta Inédita do Prof. José Maria
Rodrigues

1991

20 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Onde e quando nasceu Luís de Camões

19 de Junho (sessão extraordinária) 
D. Manuela de Azevedo: Camões e Constância

28 de Maio
Dr. António Pinho: Camões versus José Agostinho de Macedo

21 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Robert Ricard Camonista, Considerações
sobre a presença de Camões em Ceuta

13 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Cavaleiro de Oliveira em defesa de
Camões contra Voltaire

20 de Fevereiro
Dr.ª Telma Ruas: Reflexos da Lírica Trovadoresca na Lírica Camoniana

23 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões na Obra de Camilo

1990

10 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Bocage, Virgílio e Camões

16 de Maio
Dr.ª Maria Isabel Miguéns O. Baptista: Camões e Cesário Verde

4 de Abril
Dr.ª Isabel de Mello Moser: Damião de Góis e Camões

21 de Março
Coronel Carlos Gomes Bessa: Bartolomeu Dias n’Os Lusíadas

14 de Fevereiro
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Parentescos Camonianos

9 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O mais Autêntico Retrato de Camões?

1989

4 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Uma Tentativa de Fixação de Uma Edição
Moderna, Crítica d’Os Lusíadas

17 de Maio
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Como se Pode Fazer um Ensaio Útil de Estatística
Matemática sobre um Estudo d’Os Lusíadas

19 de Abril
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Frases Camonianas Empregues como
Elemento Emblemático

15 de Março
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Uma Tradução Americana d’Os Lusíadas na
Perspectiva da Cultura Humanista do Seu Autor

15 de Fevereiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões: Vida e Obra (Dados Biográficos
Documentáveis)

1988

16 de Novembro
D. Margarida Ribeiro: Alcunhas n’Os Lusíadas

19 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e Pêro de Magalhães Gândavo

18 de Maio
Dr. António Pinho: Aquilino na “Casa Grande” Camoniana

20 de Abril
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Os Lusíadas, III, 65: Outra Lição

16 de Março
Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Distribuição de Frequências de Vocábulos d’Os
Lusíadas por Centúrias

10 de Fevereiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: O Elogio de Camões nos Versos Latinos de
Manuel de Sousa Coutinho

1987

11 de Novembro
Dr. Manuel Cadafaz de Matos: Primeiras formas de Circulação da Poesia de Camões na
Índia

4 de Novembro (sessão extraordinária)
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Camões Visto pelo Grande Escritor Inglês
Somerset Maugham

21 de Outubro
Dr. António Pinho: Viriato em Camões

3 de Junho
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e a Casa do Redondo

6 de Maio
Dr. Manuel Cadafaz de Matos: Cláudio Basto e os Estudos Camonianos

8 de Abril
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Camões e a Emblemática da Monarquia
Portuguesa

11 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Por uma Edição Crítica d’Os Lusíadas

11 de Fevereiro
D. Margarida Ribeiro: Nota acerca da Edição Anastática d’Os Lusíadas (feita da edição
de 1584)

1986

12 de Novembro
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Matemática d’Os Lusíadas em Mariz Rozeira

29 de Outubro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Notas Camonianas. I. Dois pontos de
discordância na crítica camoniana moderna: a) Era Camões fidalgo? b) Porque partiu
Camões, em 1553, para a Índia. II. Filipe II, Camões, Os Lusíadas e as versões
castelhanas do Poema

7 de Maio
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Modestos Arranhões a Luís Tieck

23 de Abril (sessão extraordinária)
Prof.ª Doutora Maria Isabel Rebelo Gonçalves: Trabalhos Inéditos de Francisco Rebelo
Gonçalves sobre o Texto d’Os Lusíadas

12 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camilo e Camões

5 de Fevereiro
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Camões em Júlio Verne e Teófilo Braga

8 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Camões e Aulo Gélio. Um Aspecto mais da
Repercussão da Cultura Clássica n’Os Lusíadas

1985


15 de Maio
Dr. José Mimoso Barreto: Nomes Anagramáticos Camonianos

17 de Abril
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Camões com os Seus Botões e a Moeda-Botão
d’El-Rei D. Sebastião

6 de Março
Prof. Doutor Pedro Cunha Serra: Considerações acerca da Grafia e ortoépia n’Os
Lusíadas

7 de Fevereiro
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: Camões e Macau

9 de Janeiro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Um Centenário Camoniano (Rimas Várias)

1984

28 de Novembro (sessão extraordinária)
Dr. Emanuel Paulo Ramos: Objectivos e Limitações de Uma Edição d’Os Lusíadas

7 de Junho (sessão extraordinária)
Prof. Doutora Maria Vitalina Leal de Matos: Valores n’Os Lusíadas

16 de Maio
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Reflexão sobre a tença de Camões

18 de Abril
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: A IV Reunião Internacional de
Camonistas em Ponta Delgada

21 de Março
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Nova Leitura de Uma Estância d’Os Lusíadas
(I,20)

25 de Janeiro (continuada em 15 de Fevereiro)
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Inês de Castro n’Os Lusíadas (1572), na
Tragédia, muy sentida e elegante (1587), no Teatro (1982) e no Futuro da História (1984)

1983


16 de Novembro
D. Margarida Ribeiro: Camões: Reflexões sobre a Época, O Poeta e o Homem

15 de Junho
Prof. Doutor Arnaldo de Mariz Rozeira: Os Lusíadas. 1572 – Que Censura?

18 de Maio
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Vasco Queimado n’Os Lusíadas e a Sua
Descendência no Livro das Armadas (2ª parte)

20 de Abril
Dr. Francisco de Simas Alves de Azevedo: Alguns Ecos de Camões em Dois Escritores
Franceses (François Chateaubriand, Mémoires d’outre-tombe e Arthur de Gobineau,
Les Pléiades) – Breve Apontamento

16 de Março
Dr. José Mimoso Barreto: Um Manuscrito Camoniano Inédito Existente na Biblioteca
Nacional de Lisboa: O Índice Alfabético dos Versos d’Os Lusíadas, de António Loureiro

16 de Fevereiro
Eng.º Agostinho Ferreira Gambetta: Vasco Queimado n’Os Lusíadas e a Sua
Descendência no Livro das Armadas (1ª parte)

12 de Janeiro
Prof. Doutor Fernando Castelo-Branco Chaves: Camões e os Limites Geográficos de
Portugal

1982

15 de Dezembro
Prof. José da Costa Miranda: Alguns Aspectos da Presença de Camões em Itália.
Camões no Teatro Italiano.

24 de Novembro
Prof. Doutor Justino Mendes de Almeida: Enigmas na Vida e na Obra de Camões, ou
Problemas até hoje em Aberto ou mal Solucionados